SP: Guaspari Vale da Pedra uvas Sauvignon Blanc e Viognier

Notas do Produtor: Vinho de coloração verde-limão, aromas intensos e complexos de frutas cítricas, frutas tropicais e um leve toque floral. Em boca, apresenta excelente equilíbrio e persistência marcante.

Notas do RED BUTECO: Um vinho branco delicioso, vivo, animado, cheio de maracujá fresco temperado com morangos verdes que não deve nada aos bons do Chile ou Nova Zelândia. As uvas são provenientes do vinhedo Vista da Vinícola que fica numa altitude de 875 metros.

Siga-nos no Vivino e conheça mais: www.vivino.com/users/red.but

Temperatura de serviço:

Bom para servir na temperatura de 8 a 10°C.

RS: Don Guerino Sinais uva Sauvignon Blanc

Notas do Produtor: Coloração amarelo esverdeada, com reflexos prateados. Vinho com notas tropicais de maracujá e goiaba, broto de tomate e aspargos. Em boca apresenta-se refrescante e com longa persistência.

Notas do RED BUTECO: Vinho refrescante e muito bom para momentos de descontração. Harmoniza com queijos frescos e curados. Saladas e sushi.

Siga-nos no Vivino e conheça mais: www.vivino.com/users/red.but

Temperatura de serviço:

Temperatura ideal de serviço entre 6 e 8°C

SC: Villa Francioni uva Sauvignon Blanc

Notas do Produtor: Muita fruta e flor presente, destacando-se a maça verde e o abacaxi, com notas de flores brancas, mescladas com um leve cítrico de limão siciliano. Aroma intenso, muito complexo e extremamente agradável. Um vinho com ótimo volume de boca. A acidez cítrica é bastante viva e equilibrada, trazendo muito frescor ao vinho. Persistência agradabilíssima.

Notas do RED BUTECO:  Vinho branco para guarda de 3 a 5 anos, apresenta grande estrutura, um dos melhores rótulos de Sauvignon Blanc do Brasil. Na harmonização, a acidez do vinho combina muito bem com frutos do mar, sashimi, ou mesmo culinária Tailandesa.

Siga-nos no Vivino e conheça mais: www.vivino.com/users/red.but

Temperatura de serviço:

Temperatura de serviço 8 a 10°C.

BA: Terranova Brut

Notas do Produtor: Este espumante natural brut é elaborado pelo método Charmat com as uvas Chenin Blanc, Sauvignon Blanc e Verdejo, plantadas em vinhedos próprios na região do Vale do São Francisco, Bahia. Excelente com aperitivo brinde comemorativo. Saladas de folhas e tomate (desde que não contenham vinagre), carpaccios, ovas de peixes, frutos do mar, bolinhos de bacalhau e acarajé. A efervescência e acidez harmonizam com comidas gordurosas e com tendência à doçura.

Notas do RED BUTECO: Espumante blanc de blanc, feito com uvas exclusivamente brancas. Muito tropical, leve, fresco e frutado. Aroma de frutas tropicais e de flores, como rosa, margarida, madre-silva.

Siga-nos no Vivino e conheça mais: www.vivino.com/users/red.but

Temperatura de serviço:

Bom para servir na temperatura de 6 a 8°C.

Jantar de aniversário: Confraria Amigas do Vinho São Paulo

Participe do jantar de aniversário de 11 anos da Confraria Amigas do Vinhos Seção São Paulo!

Em parceria com a Vinícola HELIOS e a Lady Driver, o Red Buteco de Vinhos oferece o jantar para todas as participantes da confraria e também para entusiastas do mundo do vinho!
 
Valor do jantar R$ 60
Adquira já o seu jantar, clicando aqui!
 
No dia do evento todos os participantes ganharão um voucher da Lady Driver para a sua primeira corrida. Se beber, não dirija!
 
Menu jantar
Entrada: Salada de folhas, com lascas de manga e molho de maracujá.
Principal:
Opção 1: Nhoque de mandioquinha com ragu de carne
Opção 2: Risoto de alho poró
Sobremesa: Manjar de côco com calda de moscatel de ameixa
 
Opção de harmonização Vinícola HELIOS – 3 taças por R$ 35.00
Entrada: Hélios Brut
Prato principal: Hélios Circe Sauvignon Blanc ou Helios Tannat 2013
Sobremesa: Hélios Moscatel

Celebração de fim de safra com workshop e degustação Vinícola Hélios

Venha saborear a última garrafa conosco!
A Vinícola HELIOS fará o encerramento da safra histórica do seu rótulo Circe, uva Sauvignon Blanc, no Red Buteco de Vinhos dia 15 de agosto – terça – às 19:30h.
 
O evento será um happy hour com workshop do tema “Terroir dos vinhos brancos no Brasil” com a sommelière Silvia M. Rosa.
Serão degustados 3 vinhos e haverá o serviço de harmonizações.
 
Valor: R$ 50,00 (50% do valor do happy hour é revertido na compra de produtos da Vinícola HELIOS)
Garanta sua vaga, são apenas 30, clicando aqui!
Publicado em

Hambúrguer com vinho? Perfeita combinação!

Dicas para esse casamento ser ainda mais gostoso!

Apesar de ser mais comum vê-los acompanhados por refrigerantes e cervejas, hambúrgueres se dão muito bem quando servidos ao lado de uma taça de vinho. Além da combinação saborosa, o vinho é uma ótima opção digestiva para carnes e alimentos gordurosos.

O reverastrol e o tanino, componentes do vinho, são ótimos agentes desengordurantes, tanto para o paladar quanto para as artérias. Para fazer a melhor harmonização entre o vinho e o hambúrguer, anote essas dicas:

Vinhos brancos combinam com hambúrgueres de frango, com queijo suíço, cheddar ou Brie. Vão bem também com cogumelos grelhados. O Chardonnay é uma boa pedida! Para hambúrgueres de peixe, a Sauvignon Blanc é uma ótima combinação. Lembre-se que a harmonização não deve ser feita apenas com as carnes mas também com os ingredientes que a acompanham, como salsa e os molhos picantes. E para esses, o vinho branco é a nossa sugestão.

Vinhos tintos, que possuem o reverastrol, são os que mais combinam com hambúrgueres de carnes mais gordurosas como as carnes de boi, cordeiro e porco. Boas pedidas são os tintos elaborados com Cabernet Sauvignon, Touriga Nacional e Tempranillo.

Os sabores da Merlot e Carménère fazem uma deliciosa combinação com cebolas fritas, pimentão e cogumelos.

Tin-tin e bom apetite!

Publicado em

Maria Maria: Vinhos de Minas Gerais

Maria, Maria
É o som, é a cor, é o suor
É a dose mais forte e lenta
De uma gente que ri
Quando deve chorar
E não vive, apenas aguenta

Quando o cantor e compositor mineiro Milton Nascimento passou por Três Pontas, no sul de Minas Gerais, na época em que o parreiral da Fazenda Capetinga estava sendo implantado, Milton brincou com Eduardo Junqueira Nogueira Junior:  “Eduardinho do céu, você é doido. Nunca ouvi falar em plantar uvas aqui no Sul de Minas ’’. Desde aquele momento, o nome do projeto foi decidido.

Acervo: Vinícola Maria Maria
Acervo: Vinícola Maria Maria

Em 2006, Eduardo, quinta geração de uma tradicional família de cafeicultores do Sul de Minas Gerais, decidiu iniciar o projeto de seu próprio vinhedo após receber a recomendação médica devido a um ataque cardíaco sofrido por ele: uma taça de vinho tinto por dia! Assim, as mudas foram encomendadas e, no final de 2009, as primeiras videiras foram plantadas na Fazenda Capetinga, em Três Pontas, no Sul de Minas. Em 2009 foram plantados 5,2 hectares com as variedades Syrah, Cabernet Sauvignon e Sauvignon Blanc.

maria-maria-sryahEm 2012 foi realizado mais um plantio de syrah devido ao destaque produtivo e qualitativo que as plantas apresentaram na fazenda. E atualmente o parreiral é composto de 12 hectares, sendo: 6 hectares de Syrah, 2,5 hectares de Sauvignon Blanc, 2,5 hectares de Chardonnay (para a produção de espumante) e 1 hectare de Cabernet Sauvignon.

Situado no município de Boa Esperança – MG, as vinhas foram plantadas sob latossolo vermelho, com alta fertilidade. O clima na região é bem definido com inverno seco e verão chuvoso. A média pluviométrica é de 1.400 mm anuais. Vale salientar que a região tem a cafeicultura como base de sua economia, sendo que o parreiral encontra-se cercado por cafezais.

Os primeiros vinhos foram obtidos da safra de 2012 da variedade syrah e em 2013 mais 3 vinhos foram produzidos, tinto e rose da uva syrah e um vinho branco da uva sauvignon blanc.

videiras
Acervo: Vinícola Maria Maria

Outro ponto curioso em relação aos vinhos, é que cada vinho vai ter o nome de uma mulher, e como na criação de cavalos e gado, se dará na ordem alfabética esta nomeação. Por exemplo, na primeira safra, os vinhos se chamaram Agda (syrah 2013), bisavó de Eduardo; Ada (branco 2013), tia avó de Eduardo e Anne (rosê 2013), sua cunhada. E assim vão continuar os nomes, na safra 2015 serão 2 vinhos Bel (branco 2015) e Bia (tinto 2015).

Vinhos, Chocolates e Mães: Comemoração dia das mães

A Confraria Amigas do Vinho – Seção Estadual São Paulo tem o prazer de convidá-la a participar da COMEMORAÇÃO DO DIA DAS MÃES.

Neste encontro, teremos a degustação dos vinhos da Vinícola HELIOS e os Chocolates da Mirian Rocha Chocolaterie (sommelier do chocolate).

Miriam é chef chocolatier com vivência de 10 anos no exterior, com formação em pâtisserie e especialização em chocolaterie pela Le Ecole Ritz Escoffier (Paris).

Numa proposta descontraída e brindando mães, filhas e amigas, sendo uma combinação perfeita, doce e acolhedora.

Degustação – Harmonização (clique para ver a ficha técnica):
 Espumante HELIOS Brut (Boas Vindas) // Com chocolate Branco com Curry
HELIOS CIRCE Sauvignon Blanc // Com chocolate ao leite e sal
HELIOS CORCEIS Tannat // Com chocolate a pimenta rosa
 Espumante HELIOS Moscatel // Com chocolate ao leite com sal

Valor: R$ 32,00 – Degustação / Harmonização
Outros consumos: Comanda individual
Importante: vagas limitadas.

Garanta seu convite clicando aqui!

Confraria Amigas do Vinho – Seção Estadual São Paulo
www.amigasdovinho.com.br

Publicado em

Você está de férias. Seu bom gosto, não!

Não é porque o mundo decidiu se jogar na música “Deu onda” segurando uma breja gelaaaada tatuando sobrancelha de henna na praia, que você tem que fazer o mesmo. Se você não quiser, claro.

Ainda vivemos num país livre, Ufa!!! Você tem sinal verde para se deliciar de sua bebida favorita, mesmo se estiver fazendo sensação térmica de 62 graus, (homenagem a turma de Cabo-Frio) sem ar condicionado, no meio da praia, em qualquer lugar.

“- Vinho? No calor?”  “– Tá maluco?”  “- Que frescura!” Claro que os donos destas falas não conhecem vinho como nós, então seguem aí umas dicas para você não desmaiar desidratado, mas sem precisar abandonar sua bebida predileta:

Espumante: As bolhas de espumante combinadas com iscas de peixe, salmão e azeitonas são uma ótima pedida pra esses dias de um sol pra cada um. Ah, claro, o que não pode faltar é um balde grande com gelo!

Vinhos brancos refrescam à distância, tanto um Chardonnay quanto um Sauvignon Blanc.

Os vinhos rosés, que já entendemos que quem tem preconceito com eles é a turma do “vinho no verão não pode”, são deliciosos nestes dias que parece que moramos em Mercúrio. Além de refrescar, tem uma cor que combina com a estação deixando suas fotos mais incríveis ainda. #nofilter

capoani-gamay-nouveau
RS: Capoani uva Gamay

E até vinhos tintos, por que não? Vinhos tintos leves podem ser sim uma boa pedida em altas temperaturas. A dica é mantê-los em um balde com água fresca. Nossa dica é o GAMAY da CAPOANI, de Monte Belo do Sul, no Rio Grande do Sul.

Brinde o verão do seu jeito!